#Beleza: 4 procedimentos dermatológicos para ficar mais linda dos pés à cabeça

A chegada das estações com temperatura mais baixa liberam alguns procedimentos dermatológicos que não são tão recomendados nos períodos mais quentes. “Como muitos procedimentos são fotossensibilizantes e o sol pode danificar a pele, o ideal é fazer esses tratamentos no inverno, um período em que a incidência dos raios UV é menor. No inverno, é permitido fazer lasers ablativos (aqueles que machucam a pele), lasers fracionados ablativos, luz intensa pulsada, peelings e ácidos mais fortes”, afirma o dermatologista Dr. Abdo Salomão. Confira abaixo as indicações do médico:

MANCHAS E OLHEIRAS
Procedimento: Vektra QS
Usado no tratamento de melasma, manchas, olheiras e remoção de tatuagens, o laser Vektra QS, da plataforma Solon, tem duração de pulso de 15 nanosegundos e é fracionado. “Solon Vektra age no melanócito (células produtoras de melanina) impedindo a célula de liberar o pigmento para as células mais superficiais. É como se o melanócito guardasse o pigmento para ele, por isso acaba clareando”, afirma o médico.

Com relação às olheiras, Vektra melhora a textura e principalmente clareia: “Ele age tanto no castanho que é o pigmento de melanina quanto no pigmento férrico que é o da hemoglobina”, afirma. O ideal é fazer uma sessão a cada 15 dias (total de quatro a seis sessões rápidas). O resultado dura um ano, depois é necessário fazer manutenções.

Leia Também: Saiba quais cirurgias plásticas são as melhores para se fazer no inverno

PARA RUGAS E FLACIDEZ
Procedimento: Total Lift By Solon
Em apenas uma sessão, Total Lift by Solon trata de maneira eficiente flacidez e rugas faciais, justamente porque age em quatro camadas da pele: músculo, derme profunda, derme superficial e epiderme. A grande vantagem é que promove lifting facial de forma não invasiva. “O equipamento é composto de ultrassom microfocado, que age no músculo e provoca efeito lifting não cirúrgico, atuando na derme para estimular a produção de colágeno”, fala o dermatologista. A sessão seguinte é somente no outro ano.

PARA GORDURA LOCALIZADA, FLACIDEZ CORPORAL E CELULITE
Procedimento: Total Sculptor
Total Sculptor é o único equipamento do mundo a associar criolipólise, ultrassom macrofocado, corrente de estímulo muscular, radiofrequência multipolar e criofrequência para tratar de forma efetiva a gordura localizada, promover remodelação corporal e definir o músculo, além de atuar na firmeza da pele e contra a celulite. “O protocolo começa com o congelamento das células (criolipólise) de gordura com consequente morte celular. Mas na mesma sessão, logo após a criolipólise, algumas células de gordura ainda são destruídas por um potente ultrassom macrofocado, que potencializa muito a perda de gordura localizada”, afirma o dermatologista.

Enquanto isso, a corrente de estímulo muscular age, em uma tecnologia que faz a paciente ‘malhar’ de forma passiva. “Enquanto a paciente está parada, o equipamento começa a contrair e soltar o músculo várias vezes até fazer a definição da área muscular”. O médico enumera as vantagens: “Essa criolipólise é mais potente, já que tem vácuo mais intenso e área de congelamento maior; o ultrassom não dói porque vem logo depois da criolipólise e a gordura e os nervos estão congelados; não há cuidados especiais pós-tratamento e nem downtime, ou seja, após o procedimento, o paciente pode voltar normalmente para suas atividades normais; uma sessão é necessária para atingir os resultados”, completa.

Leia Também: Especialista desvenda mitos sobre a limpeza de pele

PARA AS ESTRIAS
Procedimento: Eletroderme
É um sistema de radiofrequência microagulhada. “As agulhas de ouro ultrapassam a epiderme, emitindo ondas eletromagnéticas apenas nas camadas mais profundas da pele, preservando a superfície. Isso faz com que a temperatura da derme chegue até a 70ºC, estimulando a produção de colágeno e refazendo as fibras rompidas”, afirma o dermatologista Dr. Abdo.

A ação do Eletroderme provoca o estímulo da regeneração celular por meio do processo de cicatrização, a proliferação de células-tronco e estímulo da síntese de elastina, da neocolagênese (produção de colágeno) e angiogênese (proliferação de vasos sanquíneos). São necessárias, em média, quatro sessões com intervalos mensais.

Deixe seu comentário!

Andy Santana

CEO do Soda Pop, fotógrafo, inquieto, formado em moda e que ama música. Não exatamente nesta mesma ordem!

Andy Santana has 5377 posts and counting. See all posts by Andy Santana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: