#Beleza: 8 dicas para acelerar o crescimento de seus cabelos

Os cabelos são a moldura do rosto, então não é à toa que muitas pessoas querem possuir fios longos, fortes, bonitos e saudáveis. Porém, os cabelos, junto com os pelos e a barba, crescem, geralmente, apenas 1 centímetro por mês, o que pode não ser o suficiente para aqueles que querem conquistar as madeixas dos sonhos. Para ajudar nestes casos, a dermatologista e tricologista Dra. Kédima Nassif, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, apontou oito maneiras de promover o crescimento acelerado dos fios. Confira:

1 – Verifique se você está obtendo o suficiente de ferro – Muitas pessoas não ingerem a quantidade diária ideal de ferro. “O ferro é crucial para o crescimento do cabelo, pois é o responsável por fazer com que seu corpo produza hemoglobina, elemento do sangue com a função de transportar oxigênio dos pulmões para nutrir todas as células do organismo, incluindo aquelas que alimentam seus fios”, explica a tricologista. Por isso, garanta que sua dieta seja rica em alimentos férricos, como feijão, espinafre, lentilha, castanha de caju e carne vermelha.

2 – Aumente seus níveis de Zinco – Segundo a médica, comer a quantidade diária recomendada de zinco é fundamental, pois é o nutriente que vai fazer com que seus cabelos continuem crescendo firmes e fortes. “Isso por que o Zinco é um mineral essencial para proteção do folículo capilar e para o crescimento saudável dos fios. Porém, como o corpo não é capaz de estocar o nutriente, é vital que você consuma regularmente alimentos ricos em zinco, como sementes de abóbora, peixe, ovos e lentilhas”, recomenda.

Leia Também: Lowell entra no segmento de nutracêuticos 

3- Coma alimentos ricos em selênio – Menos conhecido que o Zinco, o selênio é um mineral rico em enzimas que ajudam os folículos pilosos a ficarem protegidos contra agressões ambientais, como a poluição e os raios UV, fazendo, consequentemente, com que seus fios cresçam mais fortes e saudáveis. Por isso, aposte em alimentos como ovos, frangos, carne bovina e, para os veganos, castanha-do-Pará.

4 – Tome suplementos – Com a correria do dia-a-dia é muito difícil obtermos todos os nutrientes e vitaminas que nosso corpo precisa para funcionar corretamente, o que pode causar consequências em todo organismo, inclusive levando a quebra e a queda dos fios. Se esse é o seu caso, procure um médico para verificar se a suplementação é uma alternativa. Vitaminas orais como Exsynutriment, Bio-Arct, Biotina e Vitamina C, além de ferro e zinco, podem ser usadas para melhorar a ancoragem e sustentação dos fios, que se tornam mais grossos e resistentes e, consequentemente, crescem mais rápido.

5 – Evite penteados apertados – Se você é adepta de coques e rabos de cavalo bem presos tome cuidado. Isso por que, a curto prazo, os prendedores podem quebrar os fios e enfraquecer o cabelo, impossibilitando o crescimento adequado dos fios. “Já a longo prazo, a tração constante pode provocar queda capilar. Então o melhor é evitar, principalmente os prendedores de silicone, os de borracha ou grampos. Uma alternativa é usar os ‘hashis’ de madeira ou plástico para segurar as madeixas”, diz a dermatologista.

Leia Também: Aprenda a fazer o penteado da Marocas

6- Diminua o uso de ferramentas de calor – “O uso diário de chapinha e secador remove a umidade dos seus fios, o que pode torná-los frágeis e quebradiços. Então, se você quer que seu cabelo cresça e não consegue ficar longe destas ferramentas, o ideal é utilizá-las apenas dois dias na semana, sempre com protetor térmico, deixando o cabelo recuperar-se nos outros cinco dias. Outra dica é evitar o uso de água quente quando lavar o cabelo, pois o calor abre as cutículas, tornando os fios mais suscetíveis aos danos do secador e da chapinha”, destaca a Dra. Kédima.

7- Corte as pontas duplas – Remover as pontas duplas e quebradiças é fundamental para que o cabelo possa crescer. Se não forem retiradas, as pontas duplas impedem que os fios cresçam apropriadamente, já que permanecem divididas, o que significa mais quebra. E o ideal é realizar o corte a cada 8 ou 10 semanas. O prazo pode parecer pouco para quem quer conquistar cabelos longos, mas não adianta deixar os fios crescerem por seis meses para que fiquem compridos se, quando você for cortar, terá que tirar cerca de 15 centímetros para deixá-los com uma aparência saudável.

8 – Faço uso de equipamentos baseados em ledterapia – Para quem procura por resultados mais rápidos uma boa dica é utilizar aparelhos que utilizam da Low Light Level Therapy (Terapia de Luz com Baixa Potência), ou seja, que usam de LEDs para espessar os fios, aumentar a quantidade de cabelos e prolongar a fase de crescimento dos fios.

Deixe seu comentário!

Andy Santana

CEO do Soda Pop, fotógrafo, inquieto, formado em moda e que ama música. Não exatamente nesta mesma ordem!

Andy Santana has 4469 posts and counting. See all posts by Andy Santana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: