#Crítica: Nômade Festival se firma como uma opção para os novos amantes da MPB

Em sua segunda edição, o Nômade Festival, aconteceu neste sábado (12) no Memorial da América Latina, em São Paulo e reuniu nomes consagrados da MPB como Maria Gadu, Arnaldo Antunes e Anavitória e nomes que despontam com força total como Luedji Luna, Johnny Hooker e Liniker e os Caramelows.

Um ambiente propício para abrigar diferentes culturas, idades, gêneros e opiniões foi demonstrado exatamente esta pluralidade no palco, onde negros, brancos, gays, héteros, contagiaram um público que não se deixou abater com o forte sol que incendiou a cidade, com seus mais de 35º graus.

Luedji Luna mandou seu recado com fortes letras que tratam de dramas pessoais e com superação, onde a vez da esperança se faz necessário e permeia nossos futuros. Na sequência, a banda do interior paulista Liniker e os Caramelows, subiram ao palco do Nômade aclamados, com pedidos, gritos e as letras na ponta da língua. Com forte visual, Liniker dá a esperança que tudo pode melhorar, basta acreditar em seu potencial.

Leia Também: Lollapalooza Brasil revela o lineup oficial dos 3 dias de shows

Maria Gadú, que foi uma convidada especial do evento, subiu num palco no meio do público e em seus 30 minutos de espetáculo não só cantou, encantou como fez seus discursos políticos, sempre pedindo “Lula Livre”. Johnny Hooker, uma das estrelas mais esperada do festival, não decepcionou o público, entregando um show com direito à beijo gay, feat com a Liniker em ‘Flutua’ e com uma animação fora do comum, deixou seu nome gravado na selva de pedra com um pôr do sol lindo.

O veterano Arnaldo Antunes, subiu já de noite no palco do Nômade Festival, com seu rock manifesto e letras pensantes, levou sua apologia que transcende gerações e nos faz pensar em que o futuro revive o passado. Já as meninas do Anavitória, a atração principal do evento, fechou o dia de celebração da música popular brasileira, aclamadas, cantaram seus maiores sucessos dividindo a vez com o público que cantava junto e chorava, principalmente em canções mais românticas, que são as principais fontes de inspirações das compositoras.

O Nômade Festival, se firma como um dos eventos no calendário da nova MPB, oferecendo o melhor da música, entretenimento num mesmo lugar e na mesma comunhão do amor livre.

Deixe seu comentário!

Andy Santana

CEO do Soda Pop, fotógrafo, inquieto, formado em moda e que ama música. Não exatamente nesta mesma ordem!

Andy Santana has 6480 posts and counting. See all posts by Andy Santana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: