#Crítica: Por que assistir “Sunset: Milha de Ouro”?

A terceira temporada de “Sunset: Milha de Ouro (Selling Sunset)”, só estreia em 07 de agosto na Netflix, mas até lá você tem tempo para se viciar no reality show que aborda a vida de uma famosa corretora de imóveis em Los Angeles, o Grupo Oppenheim (famoso pelas vendas de casas milionárias).

O reality traz como protagonistas as corretoras: Amanza Smith, Crishell Stause, Christine Quinn, Davina Potratz, Heather Rae Young, Mary Fitzgerald e Maya Vander, que trabalham na empresa dos gêmeos Brett e Jason Oppenheim, já o bonitão Romain Bonnet, namorado de Mary aparece nos episódios também.

A série é composta de 8 episódios em cada temporada, com pouco mais de 35 minutos de duração. A realidade da venda de casas acima de 6 dígitos é mostrada junto com bons jantares e passeios por mansões e carros luxuosos. Toda esta realidade do glamour de Beverly Hills e adjacentes mostra o comprometimentos que as corretoras tem com seus clientes (compradores e vendedores).

Leia Também: Control Z aborda Bullying em geração de smartphones

Todo reality que se preze, tem boas intrigas e brigas calorosas, Silling Sunset não ficaria de fora disso, muitas brigas que parecem ser criadas para apimentar a trama não deixa a desejar enquanto as cenas nos encantam com tamanho luxo que nos é desconhecidos.

Conhecer as propriedades desejadas dos ricos, milionários e bilionários nos faz entender um pouco mais sobre decoração, atribuições de valores e a percepção do mercado de luxo, que é exigente, perspicaz e viciante. Elas precisam conhecer a fundo seus clientes, gostos, estarem bem vestidas e ainda dar conta de um rotina de visitas, encontros e divergências no escritório e claro, dar conta da vida social, casar, namorar e se divertir com as amigas.

Deixe seu comentário!

Andy Santana

CEO do Soda Pop, fotógrafo, inquieto, formado em moda e que ama música. Não exatamente nesta mesma ordem!

Andy Santana has 6678 posts and counting. See all posts by Andy Santana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: