#Resenha: Como Esquecer

Recebi da editora Vida & Consciência o livro “Como Esquecer” da autora Rose Elizabeth Mello, e resolvi conhecer mais de perto seu trabalho. O primeiro romance que leio dela, não se trata de um best seller como alguns dos muitos títulos da Zíbia Gasparetto ou da Monica de Castro, tão pouco deixa de trazer ensinamentos evangélicos. Para quem não conhece a doutrina kardecista é uma boa forma de um primeiro contato.

A história se passa na então capital do país, Rio de Janeiro, na década de 1950, onde o costume era a mulher usar apenas saias e vestidos, nunca se separar e claro não ter idéias muito “avançadas” (isto incluía política, jornalismo, e outras profissões masculinizadas) e muitas vezes tinha que se limitar aos serviços domésticos. Em meio ao progresso, encontra-se a família de Antônio e Beatriz, que num lar perfeito, tem dois filhos (Ana Raquel e Henrique) e a empregada Neusa e vive em perfeita harmonia e dentro dos padrões vigentes da sociedade. Antônio por prover o sustento da família e Beatriz por cuidar da casa e da família, se vê em um casamento linear e rotineiro, até que Antônio começa a ter um caso com Evaline, uma jovem sonhadora que morava no sul do país.

Beatriz que descobre por acaso a traição, se vê em um dilema: terminar o casamento de anos ou aprender a lidar com a falha de caráter do marido e lutar para reencontrar a paz no relacionamento? A história apresenta os primeiros ensinamentos do Kardecismo, apresenta o valor do perdão, gratidão e o amor em diferentes formas.

“Só na liberdade de escolha se consolida o amor e é dessa liberdade que brota o mais puro sentimento. Porque amor não se cobra, não se implora nem se negocia.”

Livro: Como Esquecer
Autora: Rose Elizabeth Mello
Editora: Vida & Consciência
Avaliação: 3/5
Página: 313

Deixe seu comentário!

Andy Santana

CEO do Soda Pop, fotógrafo, inquieto, formado em moda e que ama música. Não exatamente nesta mesma ordem!

Andy Santana has 6480 posts and counting. See all posts by Andy Santana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: