#Teatro: Companhia Casa da Tia Siré estreia Gesta Mullier

As mulheres que abriram caminho ao longo dos anos de escravidão, abusos e conquistas compõem a narrativa polifônica deste trabalho da Cia Casa da Tia Siré. Gesta Mullier estreia dia 26 de setembro, quarta-feira, às 20h, na Oficina Cultural Oswald de Andrade. A iniciativa lançou uma provocação acerca dos arquétipos e estereótipos femininos com sete cenas dirigidas por sete diretores diferentes: Georgette Fadel, Renata Zhaneta, Nei Gomes, Osvaldo Hortencio, Daniela Giampietro, Vera Lamy e Dinho Lima Flor.

São histórias proibidas pela narrativa oficial que carregamos e herdamos. Um retorno ao obscuro útero doméstico que nos gerou e o vislumbre da concepção de um novo mundo. Passam por história que envolvem arquétipos como virgindade, casamento, mulheres subversivas, gravidez, entre outros,” explica Andressa.

O espetáculo é a última etapa do projeto CompArte: Gestando Poéticas – 10 Anos de Cia. Casa da Tia Siré, contemplado com a 30ª. Edição do Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo, que resultou nas montagens dos espetáculos DesPrincesa, Adoráveis Criaturas Repulsivas e Assombrosas.

Serviço:
GESTA MULLIER
De 26 de setembro a 6 de outubro
Temporada: Quartas, quintas e sextas-feiras, às 20h. Sábados, às 18h.
Ingressos: Grátis – retirar com 1h de antecedência.
Classificação etária: 12 anos.
Duração: 100 minutos.
OFICINA CULTURAL OSWALD DE ANDRADE.
Rua Três Rios, 363.
Bom Retiro. São Paulo. SP.
Capacidade: 45 lugares.

Deixe seu comentário!

Andy Santana

CEO do Soda Pop, fotógrafo, inquieto, formado em moda e que ama música. Não exatamente nesta mesma ordem!

Andy Santana has 3037 posts and counting. See all posts by Andy Santana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: