Wanessa Camargo revela doença em carta aberta

A cantora Wanessa Camargo anda sumida das redes sociais, ela que durante a pandemia se infectou com o coronavírus e teve que se ausentar e se refugiar com a família, tentou retomar a vida social com lives e até com a gravação de um documentário para a Netflix, (as gravações estão interrompidas por conta da Covid-19).

Porém nesta terça-feira (25), a artista usou as redes sociais para externar uma doença que está lhe afligindo, sem revelar detalhes ela publicou uma carta aberta, cheia de metáforas aos fãs em seu site, porém com a grande quantidade de acessos o site saiu do ar.

Leia Também: Emocionada, Ivete Sangalo faz homenagem à Paulo Gustavo com música de Roberto Carlos

Confira o texto na íntegra:

A QUEM POSSA INTERESSAR

Venho de três milênios, para fazer uma escolha e uma descoberta. Para que isso aconteça tenho que atravessar uma floresta escura e amedrontadora, cheia de demônios e feras – que tentam me impedir de chegar à montanha iluminada pelo sol. Para me guiar, apenas as estrelas lá no céu. A escolha é a vida. A descoberta é a verdade.

Quem sou eu? Morrer na escuridão e renascer na luz. SER não é tarefa para amadores, tem que se ancorar na mais profunda fé e coragem. Em um caminho solitário e doloroso de reconhecimento – é preciso caminhar com os pés cansados, mas firme.

Aprender a respirar o ar e finalmente sentir o cheiro da terra e dos ares. Saber se deixar levar com o vento, na brisa e na tormenta. Entender o movimento e ritmo das ondas. Aceitar tudo que é e que não é.

Leia Também: Ordem judicial estipula multa para novos ataques de Francinne à Mister Jam

No tempo presente, me encontro. Tendo que encarar velhos e novos fantasmas para seguir em frente. A solidão e o silêncio nunca se impuseram tão necessários como hoje. Para olhar para você, antes, preciso olhar para mim. Para amar você, antes, preciso me amar.

A doença que carrego nos pensamentos se torna uma benção, pois é ela que vai me trazer de volta. De volta ao lar. Lar de onde nós viemos. Todos nós.

Por agora, um pesado véu de medo ainda me cobre, mas um grito em silêncio me preenche de certeza: que quando me libertar, encontrarei o que mais anseio ser: A VIDA.

Deixe seu comentário!

Andy Santana

CEO do Soda Pop, fotógrafo, inquieto, formado em moda e que ama música. Não exatamente nesta mesma ordem!

Andy Santana has 7867 posts and counting. See all posts by Andy Santana

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: